Imagens de tema por kelvinjay. Tecnologia do Blogger.

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA ACESSAR O SITE DO GOVERNO DO CEARÁ

Slider

Últimas Postagens

Notícias

Negócios

Política

Sociedade

Entretenimento

Cidades e Entrevistas

» » » » Enfrentamento a violência contra as mulheres: audiência pública reúne mais de 500 pessoas em Juazeiro do Norte

A audiência pública para debater o enfrentamento à violência contra as mulheres reuniu um público plural, dentre jovens estudantes, militantes do movimento feminista e gestoras, que juntas, bradaram em uma só voz “Basta de violência contra nossos corpos e mentes, nos queremos vivas e livres”. O ato que reuniu 550 pessoas na tarde desta terça-feira (10), no Memorial Padre Cícero, em Juazeiro do Norte, faz parte da Campanha “Mulheres: Por mais Liberdade, Por mais Respeito, Por mais Igualdade”, promovida pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS).
“A política da mulher é muito nova, ela só começou efetivamente em 1969, de lá até aqui nós temos trabalhado persistentemente para desconstruir esse pensamento machista e patriarcal que tenta nos desqualificar tanto na vida pública, como na vida privada” ressalta a titular da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos, Socorro França, que também destacou a construção da Casa da Mulher Cearense tanto na Região do Cariri como em Sobral e em Quixadá. Nós, enquanto gestoras, estamos dando um salto na construção de políticas para as mulheres cearenses”, frisou a secretária.
Militante do movimento feminista há mais de 30 anos, Mara Guedes fala da importância da luta pela dignidade das mulheres. “A militância me ensinou que quanto mais nós lutamos, mais necessidade nós temos de lutar. O que aprendi durante esse tempo é que a persistência é nossa aliada nesta luta que é diária e não pode parar nunca”, atesta elas, que também integra o Conselho dos Direitos da Mulher Cratense e assessora as Políticas para a Mulheres do Crato.
“Esta audiência é a culminância de diversas outras ações que temos desenvolvido em nosso município para combater a violência contra a mulher, a exemplo da Patrulha Maria da Penha, que tem sido extremamente importante para combater agressões e reincidência da violência. Nós não paramos por aqui, esse momento é para dizer a população do Cariri que estamos juntos, de mãos dadas para garantir justiça e dignidade as mulheres” expôs o prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra.

Patrulha Maria da Penha

A Patrulha Maria da Penha é um projeto pioneiro no Ceará e atua na prevenção e no combate à reincidência da violência contra a mulher com medida protetiva. A patrulha é feita por 16 guardas civis municipais, que foram capacitados para atendimento humanizado às mulheres em situação de Violência e a devida condução do agressor à Delegacia da Mulher. Atualmente, são atendidas 147 mulheres no município de Juazeiro do Norte.
“Nós temos feito um trabalho minucioso, alcançando a confiança das mulheres e atuando para evitar a reincidência da violência. Conversamos e encorajamos para que elas tenham força e auto estima e entendam que a vida de cada uma delas importa muito”, conta a agente da Patrulha Maria da Penha, Ivanilda Barbosa.

«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário