Imagens de tema por kelvinjay. Tecnologia do Blogger.

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA ACESSAR O SITE DO GOVERNO DO CEARÁ

Slider

Últimas Postagens

Notícias

Negócios

Política

Sociedade

Entretenimento

Cidades e Entrevistas

» » » Sem experiência na área, ex-assessor de Carlos Bolsonaro é efetivado na presidência da Funarte

Luciano da Silva Barbosa Querido, ex-assessor de Carlos Bolsonaro (PSC-RJ), foi oficializado como presidente da Fundação Nacional de Artes (Funarte). Sua nomeação foi confirmada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira (13).
O ex-funcionário do filho de Jair Bolsonaro (sem partido) não possui formação específica para a área e nem experiência em produção cultural. Querido já vinha ocupando o cargo de forma interina desde o início de maio.
Foto: Reprodução/Facebook


De acordo com um currículo publicado numa rede social, o ex-assessor de Carlos afirma que a função desempenhada no gabinete do vereador consistia em cuidar de “toda a parte de informática, como designer gráfico, web designer, banco de dados e mídias sociais”.
A atuação de Querido no gabinete de Carlos Bolsonaro foi longa: de 2002 a 2017. Na Funarte, ele assume a vaga deixada por Marcos Teixeira Campos, que havia sido indicado por Regina Duarte, quando a atriz estava a frente da secretaria especial da Cultura.

Querido começou a atuar como diretor do Centro de Programas Integrados da Funarte em abril. Ele foi nomeado no mesmo dia em que Dante Mantovani foi reconduzido para a presidência da entidade. Posteriormente, o presidente Bolsonaro anulou a anulou a posse de Mantovani definitivamente.
Mantovani, que associou o rock ao aborto e ao satanismo, foi indicado por Ricardo Alvim, que deixou a secretaria da Cultura após vídeo em que parafraseava um ministro nazista de Hitler.
Fonte: Yahoo Noticias

«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário