Imagens de tema por kelvinjay. Tecnologia do Blogger.

CLIQUE NA IMAGEM ACIMA PARA ACESSAR O SITE DO GOVERNO DO CEARÁ

Slider

Últimas Postagens

Notícias

Negócios

Política

Sociedade

Entretenimento

Cidades e Entrevistas

» » » » » Banco do Nordeste financia geração de energia solar para agricultura familiar


 O sol forte durante a maior parte do ano é uma das características mais marcantes do norte de Minas Gerais. Com o apoio do programa de microcrédito rural do Banco do Nordeste, o Agroamigo, agricultores familiares estão transformando o calor em energia e, com isso, diminuindo consideravelmente seus gastos mensais. Com esse objetivo, o produtor Nelson Antunes Souza buscou o BNB e adquiriu um sistema de geração de energia fotovoltaica, por meio do Agroamigo Sol.

O investimento realizado foi de R$ 14.960, para implantação de placas solares em sua propriedade, no município de Santo Antônio do Retiro, localizado no Semiárido, onde produz, principalmente, café e banana, mas também há espaço para o cultivo de manga, abóbora, feijão, mandioca e outras culturas.
Nelson é cliente do Agroamigo desde 2013 e já está em sua quinta operação contratada. O agricultor afirma que o apoio financeiro que recebe é o grande responsável pela ampliação e modernização de sua produção, que cresceu de menos de um hectare plantado no início para, atualmente, sete hectares cultivados. Antes da energia solar, ele já havia investido em sistemas de irrigação e dois poços artesianos. “Se não fosse o Agroamigo, eu não teria conseguido”, reconhece.
O programa oferece recursos e acompanhamento a produtores beneficiários do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). O Agroamigo Sol financia investimentos em energia fotovoltaica no meio rural para impulsionar a diversificação da matriz energética e contribui para a utilização de energia renovável e limpa. Cada produtor pode contratar até R$ 20 mil. O prazo de pagamento é de até dez anos, com carência de até três anos e taxa de juros de 2,75% ano.

Atuação em Minas 
Mesmo em tempos de pandemia, a atuação do Agroamigo segue crescendo em Minas Gerais. Até agosto foram aplicados R$ 171,2 milhões para agricultores familiares do estado, valor 9,6% maior do que o registrado nos oito primeiros meses de 2019. Foram contratadas 33.500 operações, que representam 7,8% de aumento em relação ao mesmo período do ano passado.

AgroNordeste 
O gerente estadual do Agroamigo, Diego Miranda, destaca que o município de Santo Antônio do Retiro integra o território de Salinas, um dos priorizados pelo AgroNordeste. O plano do Governo Federal foi criado para apoiar a organização das cadeias agropecuárias de relevância atual ou potencial e ampliar e diversificar os canais de comercialização, com pertinência social, ambiental e econômica, buscando aumentar a eficiência produtiva e os benefícios sociais. A fruticultura irrigada, atividade desenvolvida pelo cliente Nelson Souza, inclusive, é priorizada pelo AgroNordeste naquele território.
FONTE: Ambiente de Comunicação - Sala da Imprensa Banco do Nordeste

«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe seu comentário